Estudos afirmam que cheiros e vozes podem influenciar na atração física

iG Delas

De acordo com um conjunto de estudos, odores e sons podem dar pistas extras a respeito da personalidade, do biotipo e do estado emocional alheio

Acreditando ou não no “fenômeno”, você com certeza já ouviu falar a respeito de amor à primeira vista. Mas e amor à primeira fungada? De acordo com pesquisadores, o cheiro de uma pessoa pode influenciar tanto quanto a aparência dela quando o assunto é atração física.

Leia também: Tem salvação? Terapia de casal ajuda a resolver conflitos e pode melhorar o sexo

Cheiros e vozes têm um papel importante no jogo da atração física, apontam estudos

Cheiros e vozes têm um papel importante no jogo da atração física, apontam estudos

Foto: Shutterstock

Enquanto grande parte dos estudos recentes tem focado em atração com base em aparência física, um grupo de pesquisadores poloneses e britânicos realizou uma análise de diversos artigos a respeito de como outros sentidos influenciam na hora de escolher o parceiro ou a parceira ideal. De acordo com a análise, que foi publicada no periódico “Frontiers in Psychology” o cheiro de uma pessoa é uma parte importantíssima das primeiras impressões que são formadas a respeito delas, além de poder revelar algumas pistas sobre elas, como indicativos de idade, saúde, personalidade e até fertilidade.

Leia também: Estudo revela o que as pessoas pensam durante a masturbação

Quando falamos em aparência, a tendência, de acordo com estudos, é a de escolher pessoas similares a nós. No quesito cheiros, funciona ao contrário: as pessoas tendem a se aproximar de quem tem um perfume diferente do delas, algo que funciona como forma de evitar relacionamentos com pessoas da mesma família. Outro fato a respeito da atração por meio de cheiros é a de que mulheres costumam se importar mais com o odor de outras pessoas do que os homens.

O papel dos sons

O compilado de estudos também traz informações interessantes a respeito de como a voz é outro fator importante no quesito interesse amoroso. Isso acontece porque, segundo pesquisadores, o cérebro processa a imagem e o som juntos, fazendo com que a voz seja relacionada involuntariamente a um certo biotipo e a um estado emocional.

Leia também: Guru do sexo afirma que praticar swing faz bem para o relacionamento

Segundo pesquisadores, há diferenças sobre os tons de voz que as mulheres e os homens preferem. De acordo com Katarzyna Pisanski, da Universidade de Sussex, mulheres tendem a preferir vozes mais masculinas porque as associam com corpos maiores e dominância, mas, normalmente, preferem esse tipo de voz para relacionamentos mais curtos. “Para relacionamentos longos, parece que elas querem alguém que soe menos masculino. Isso pode acontecer porque elas pensam que eles são mais propensos a continuar na relação”, afirma Katarzyna. Enquanto isso, a atração dos homens é voltada para vozes mais agudas.



Comentar

comentários

Tags:, , , , , , ,

What do you think?

Comments

You must be logged in to post a comment.