Dicas de treino: não deixe o clima frio te afastar dos exercícios

iG Delas

Trocar o parque pela academia ou transformar a sua sala em uma academia estão na lista. E para te motivar, veja também alguns benefícios da malhação

Pode confessar, com a chegada do frio bate também uma preguiça... Falta coragem de partir para uma corrida na praia ou no parque e sobra vontade de ficar em casa, na cama, sob as cobertas. Nós também passamos por isso! E para ajudar, separamos algumas dicas de treino para não deixar o frio te afastar dos exercícios. 

Leia também: Parou de treinar? Como recuperar o ritmo depois de um tempo “na preguiça”

Uma das dicas de treino para os dias frios é transformar sua casa e academia. Veja mais

Uma das dicas de treino para os dias frios é transformar sua casa e academia. Veja mais

Foto: shutterstock


Mas, antes de começar lista de dicas de treino, um alerta importante: faça uma avaliação antes de dar início a qualquer ativiade física e respeite os limites de seu corpo, especialmente quanto estiver fazendo exercícios em casa. Aviso anotado, vamos à malhação!

Escolha uma atividade física

Esse pode ser o ponto de partida. De nada adianta dizer que vai se exercitar se aquele tempo na academia é uma tortura. Se o dia estiver propício para ficar na cama vendo sua série favorita no NetFlix, então, a chance de trocar isso pela malhação é quase zero. Portanto, descubra algo que te de prazer nas atividades físicas. 

Ao escolher o exercício que realmente te atraia, a ida para a academia será muito mais gratificante e prazerosa. E ao fazer isso uma rotina, logo os resultados vão aparecer e você vai ficar mais motivada.

Leve o outdoor para o indoor

Há também um outro perfil, aqueles que gostam de praticar atividades, mas ao ar livre. Nesse caso, a queda no termômetro ou os dias chuvosos também podem ser um problema. A dica é dar uma chance para a versão indoor de alguns esportes. 

O ciclismo indoor, mais conhecido como spinning, já caiu no gosto popular há tempos, por exemplo. Além de ajudar quem gosta de pedalar na rua a se manter em forma e treinado - e permitir treinos específicos em condições controladas, como simulação de diferentes terrenos - a atividade é ótima para definir músculos de pernas e glúteos, além de fortalecer o abdômen. Também não força tanto as articulação e não oferece impacto a tornozelos e joelhos. 

Aula de spinning queima de 300 a 600 calorias em 45 minutos

Aula de spinning queima de 300 a 600 calorias em 45 minutos

Foto: Divulgação/Ride State


Além disso, é uma ótima ideia para quem quer emagrecer. Em uma aula de 45 minutos, por exemplo, é possível queimar até aproximadamente 600 calorias. 

Leia também: Spinning detona calorias, emagrece e define pernas e bumbum

Se você é adepto da corrida também não deve ficar parado só porque não conseguiu ir ao parque. O educador físico Lucas Vieira da Silva, da Bluefit Academia, indica treinos para os amantes da corrida que podem ser realizados na esteira e ainda vão ajudar a melhorar o desempenho quando voltar para a rua. 

  • HIIT - O treino intervalado de alta intensidade é conhecido por ajudar a secar e fazer com que a pessoa queime gordura por mais tempo, mesmo depois do exercício, e também combina com os corredores. A ideia, segundo Lucas, é correr 30 segundos a uma velocidade moderada e parar por 30 segundos. E na esteira é muito mais fácil controlar a velocidade do que na rua. Esse treino pode ser repetido até quatro vezes por semana
  • Intervalado - Essa modalidade ajuda a aumentar a resistência, já que aos poucos irá acelerar o passo. Assim o corpo vai entender e responder melhor ao novo esforço. "Para este tipo de treino, a esteira deve ser programada em duas velocidades diferentes, o ideal é que o corredor mantenha uma velocidade mais rápida durante três minutos e a mais lenta durante dois minutos", orienta o professor. Aos poucos, aumente o tempo de corrida mais forte e diminua o de caminhada ou corrida mais lenta. 
  • Subida - o treino com a estreia inclinada também melhora o desempenho e exige mais das pernas e das fibras musculares. Assim, o corredor terá mais potência para encarar uma subida no meio do percurso e também aprenderá a dosar a velocidade e a intensidade de acordo com terreno. Para Lucas, esse treino pode ser feito de 30 a 60 minutos, até quatro vezes por semana.

Esteira é uma grande aliada dos corredores

Esteira é uma grande aliada dos corredores

Foto: Thinkstock Photos


Para os mais aventureiros, há algumas academias que oferecem atividades diferentes em locais fechados, como paredes de escalada ou obstáculos do parkour. Pode ser também uma ideia para quem quer começar nessas atividades, mas ainda não tem prática ou segurança para se aventurar por aí, ao ar livre. 

Academia em casa

Se a sua ideia não for nem sair de casa, pode transformar a sua sala ou outro cômodo em uma academia. Vinícius Possebon, preparador físico e colunista do Delas, dá dicas de treino toda a semana para se exercitar em casa, com a vantagem de não usar aparelhos ou peso. A ideia é aproveitar o peso do próprio corpo e otimizar o tempo para ter mais resultados. 

E quando se fala de exercícios em casa, uma dúvida comum é sobre como montar o treino. Há uma série de aplicativos e programas on line que orientam os alunos "caseiros" de acordo com o objetivo e seguindo o condicionamento físico de cada um. Geralmente eles contêm vídeos e dicas de execução. Alguns exemplos são Freeletics, BT Fit, Q48 e Desafio Vip 60. 

Leia também: Mãe emagrece 40 kg com app de exercícios; saiba como usar bem esses aplicativos

Outro ponto positivo, como ressalta Cris Senna, do Desafio Vip 60, é não precisar ficar na fila para esperar a vez para algum aparelho, algo que é muito comum na academia. E também é o aluno que faz o horário, sem se preocupar com a grade de aulas. Para completar, você não precisa se preocupar com os outros, só com seu desempenho. "Não há vergonha de executar um determinado exercício", comenta Cris. 

Bônus

Vale lembrar que praticar atividade física ajuda a ficar em forma, mas esse não é o único estímulo para espantar a preguiça nos dias mais frios. A prática regular de exercícios traz uma série de benefícios para o corpo. Segundo pesquisa da Ginast, manter a regularidade na prática por 30 dias, três por semana, já é capaz de melhorar o humor, diminuir o estresse e reduzir quadros depressivos, diminuir as chances de doenças e problemas no coração, melhorar a respiração e a capacidade dos pulmões, reduzir gordura corporal e aumentar a massa muscular. 

Em casa ou na academia, com essas e outras dicas de treino, o importante é mandar a falta de vontade para longe e não ficar parado. E no final, você ainda chegará em forma e saudável às estações mais quentes do ano. 



Comentar

comentários

Tags:, , , , , , ,

What do you think?

Comments

You must be logged in to post a comment.